Publicidade

O comportamento do seu colaborador diz muito sobre a sua empresa

Colunista: Geraldo Hofer

Seu colaborador está pronto para ser um líder?

Olá, leitor da revista Empresário Fitness & Health, feliz em recebê-lo em mais um artigo, abordarei com ciência e prática a questão comportamental de seu colaborador e colega de equipe.

Muitas vezes, resultados não são alcançados por falta não de metas ou ferramentas, mas sim, por falta de comportamentos e ações que atrapalham esse crescimento.

Ownership: desenvolver a visão de dono na equipe

Importante passo para desenvolver o comportamento do seu liderado/colaborador é transmitir e mudar o comportamento dele (Inteligência Prática). Comece a introduzir em tarefas simples ou ações em conjunto os colaboradores realizando tarefas direcionadas e criando a mentalidade como se a empresa fosse deles também, ou seja, desenvolva a visão de dono em sua equipe. Dessa forma, as tarefas terão muito mais sentido para eles do que apenas pedir ou mandar, sem contar o crescimento desses colaboradores dentro da sua própria empresa.

Ownership significa que o funcionário se importa com o negócio como se a empresa fosse dele.

Nem todos os seus colaboradores estão preparados!

Você, como gestor e líder, deve diferenciar e desenvolver quem realmente tem uma certa habilidade e mentalidade para ser um líder/gestor, tudo o que foi abordado é treinável basta um líder que mostre o caminho e ensine corretamente.
Quando cito as habilidades e mentalidades, não estou querendo dizer apenas as hard skills (habilidades técnicas), que por sinal são de grande valor, mas sim as soft skills (habilidades comportamentais), como esse colaborador se comporta no meio corporativo, no ambiente formal e informal com clientes e líderes; estou falando em se adequar ao perfil da empresa (cultura da empresa, plano de carreira, postura, valores etc.).

Identifique esses dois fatores primordiais para o desenvolvimento e alinhe com o que você espera desses colaboradores, lembrando que esse caminho não é para todos, então, não fique frustrado caso um colaborador não se enquadre nessa nova metodologia.

Em suma, um bom desenvolvimento desse colaborador/líder lhe trará grandes resultados, além de trazer a visão de gestor para ele.
É como se diz: “duas cabeças juntas pensam melhores que uma”; aprecie a jornada do desenvolvimento, entregue as ferramentas necessárias e crie essa chama do empreendedorismo em sua equipe.

Finalizando mais um artigo com muito conteúdo e troca de conhecimento, quero agradecer a você que sempre vem buscando conhecimento e novas habilidades para estar atento ao mercado atual.

Vamos crescer juntos!

Deixe seu comentário sobre o que achou do artigo, ele será muito importante para o nosso desenvolvimento!

Leia outros artigos

O que achou desse artigo?

Publicidade

REF&H
Enviar