Publicidade

Entenda de algoritmos ou sua academia será irrelevante!

Colunista: Cristiano Santos

Afinal o que são os algoritmos?

De forma resumida, algoritmos são um conjunto de regras que funcionam de forma automatizada para cumprir uma determinada necessidade. E como são funções matemáticas, eles existem há séculos!

Por ter base matemática, os algoritmos foram incorporados naturalmente ao campo da tecnologia e desde o surgimento da Internet, são amplamente aplicados em sites, ferramentas e plataformas.

Quais? 

Em todas as redes sociais, mecanismos de buscas como Google, Bing, Yahoo!, etc.

Ou seja, em praticamente em tudo que usamos todos os dias! 

E como os algoritmos influenciam a minha marca?

Nas redes sociais, os algoritmos são responsáveis por analisar, organizar e decidir sozinho tudo o que o usuário vê e consome.

Se um consumidor navega na “timeline” do Facebook e parar a rolagem para ler uma publicação específica, os algoritmos analisam esse comportamento e concluem que a publicação é importante para o usuário e, na próxima vez, temas semelhantes serão priorizados para ele ver.

O contrário também ocorre: quando o usuário não dá atenção para algum tipo de publicação e continua a navegação rolando a “timeline“, os algoritmos se autoconfiguram para que novos conteúdos parecidos sejam evitados, mantendo o usuário engajado o máximo possível naquilo que gosta!

Entender como funcionam os algoritmos é fundamental para a sua marca performar mais nos mecanismos de buscas e redes sociais
Entender como funcionam os algoritmos é fundamental para a sua marca performar mais nos mecanismos de buscas e redes sociais

Nos mecanismos de buscas, o funcionamento é similar: ranquear com entendimento profundo de semântica e inteligência cognitiva o que é relevante para usuário, exibindo links das páginas baseado no conjunto de palavras-chaves utilizadas.

Mesmo que um usuário faça uma busca com erros de digitação, ou use um frase mal escrita, os algoritmos são capazes de interpretar o interesse dessa busca, utilizando os dados de todos os usuários para oferecer o máximo de performance.

Como a minha marca pode performar melhor?

Duas palavras são importantes para você ter em mente:

Engajamento e relevância. 

Quanto mais elas fizeram parte do planejamento, produção e análise da sua marca, maiores são as chances de gerar oportunidades de negócio online.

Mas vamos lá entender como isso funciona:

1. Nas redes sociais

Como modelo de negócios, o objetivo de qualquer rede social é manter o usuário o máximo de tempo possível na sua plataforma. Assim, o usuário será sempre impactado por alguma publicidade.

Com esse formato, o maior desafio é manter o usuário engajado, ou seja, interessado o tempo todo nas publicações, passando mais tempo na rede e consequentemente, mais marcas investem em publicidade mantendo o modelo de negócio da rede.

As marcas que querem performar mais nas redes sociais só possuem dois caminhos:

Criar publicações que geram mais engajamento ou pagar para exibir um anúncio na “timeline” dos usuários.

2. Nos mecanismos de buscas

Enquanto você lê esse artigo, alguém está fazendo uma busca sobre alguma necessidade. 

Os links que aparecerão para esse usuário têm relação direta com a relevância que essas páginas possuem com as palavras-chaves utilizadas na busca. E como você já entendeu nesse artigo, a relevância é dada pelos algoritmos.

Se o usuário ignora algum link, se ele entra em uma página e fica pouquíssimos segundos ou passa muito tempo, se refaz a busca com outras palavras, os algoritmos analisam e organizam cada um desses comportamentos e aumentam o entendimento sobre o que é ou não relevante para o usuário em uma determinada palavra-chave.

O desafio aqui é criar páginas que saibam como se expressar para serem relevantes para os mecanismos de buscas. São as chamadas técnicas de SEO que é a sigla de Search Engine Optimization (ou em português, otimização de mecanismos de busca)

Produzir conteúdo relevante e que mantenha o usuário engajado deve fazer parte do planejamento de comunicação da sua marca
Produzir conteúdo relevante e que mantenha o usuário engajado deve fazer parte do planejamento de comunicação da sua marca

Como a minha marca pode se beneficiar dos algoritmos?

Não basta sair publicando aleatoriamente ou criando páginas por gosto pessoal. É preciso entregar algo para o interesse do usuário, não o contrário!

A relação do público com as marcas mudou muito desde o surgimento da Internet, sobretudo com a adesão das redes sociais. Antes, as marcas tinham uma relação de um para muitos, agora é de um para um.

O público espera das marcas relacionamento, pertencimento e humanização

Marcas que usam suas páginas e principalmente as redes sociais como se estivessem panfletando nas ruas, tendem a ver o público ignorando seus “flyers“, ou seja, estão literalmente jogando dinheiro no lixo.

Em resumo, é preciso pesquisar, planejar e analisar todas as peças de comunicação da sua marca.

Caso contrário, ela será mais uma marca irrelevante na Internet!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia outros artigos

O que achou desse artigo?

Publicidade

REF&H
Enviar