Publicidade

Formação de líderes dentro de casa

Colunista: Geraldo Hofer

Vivemos um dos momentos mais desafiadores em nossas carreiras e vida pessoal; a quarentena nos ajudou a desenvolver tanto nossa inteligência emocional quanto nossas capacidades e habilidades.

Pensando nisso separei um tema que precisamos enxergar nesse momento como crucial: como oportunizar a formação de líderes dentro de casa, enxergando os talentos e desenvolvendo-os dentro da cultura da empresa.

Vamos crescer juntos com muito conteúdo!

Primeiro, vamos falar sobre como desenvolver a liderança nas empresas e vou começar com uma frase que une tudo que falamos de liderança até o momento.

O verdadeiro líder de uma empresa é aquele que se coloca no lugar dos demais colaboradores, sem se considerar superior a todos.

Mas como desenvolver a liderança nas empresas?

Como encontrar profissionais com esse perfil dentro da equipe?

As ações para desenvolver liderança são essenciais para que as empresas consigam acompanhar as constantes mudanças e exigências do mercado. Elas precisam ter a iniciativa e oportunizar profissionais para serem capazes de liderar, administrar e gerir, tanto os processos, como as pessoas. Afinal, os colaboradores são um dos principais ativos para que a organização seja bem-sucedida.

Dessa forma, é possível contar com um líder capaz de realizar todas as atividades de seu cargo e, ainda, manter a equipe motivada a alcançar os resultados esperados, com um bom conhecimento técnico e bem desenvolvido na Inteligência Prática e na Inteligência Emocional.

Para desenvolver a liderança nas empresas é preciso levar em consideração uma série de questões, como:

  • Escolha certa de estratégias.
  • Organização das atividades
  • Motivação dos colaboradores.
  • Manutenção do relacionamento interno.
  • Desenvolvimento de habilidades.
  • Capacidade de gestão de crises.

Você, líder e gestor, entregando contexto e oportunidade a esses profissionais/colaboradores, comece a observar todos esses pontos acima e como eles se saem com tudo isso; vale criar uma forma de avaliação e observar os talentos.

Alguns talentos possuem algumas características intrínsecas, que certamente são um diferencial para a função como líder. Porém, não se deve confundir talento com disciplina; de nada adianta ser talentoso e não ser disciplinado.

Mas quais são as características de um verdadeiro líder?

  • Criatividade
  • Intuição
  • Proatividade
  • Ética
  • Motivação
  • Comunicação
  • Respeito
  • Empatia com os demais

Um bom líder possui essas características de forma marcante e um perfil que se destaca dos demais, o que pode ser facilmente percebido pela empresa no dia a dia prático.

Veja a seguir quais ações são comuns entre pessoas capazes de liderar e descubra como desenvolver a liderança em seu time:

Um verdadeiro líder é um bom observador

Portanto, fique atento àqueles colaboradores que estão sempre analisando o que acontece com o restante da equipe e conseguem encontrar soluções eficazes para os problemas.

Profissionais capazes de reconhecer o limite de seus colegas, qualidades e defeitos também são promissores na liderança

Eles usam isso para conhecer as especificidades de cada um e, assim, saber como interagir e trabalhar em busca do resultado com cada um.

Aqueles colaboradores que estão sempre em busca de aprimoramento, participam de cursos, treinamentos também são ótimas opções de liderança

Um verdadeiro líder nunca para de buscar conhecimento e de se especializar. Além disso, costumam trazer isso para a toda a equipe e compartilhar seu conhecimento com o time.

Um bom ouvinte e comunicador é um profissional destaque

Por meio dessa habilidade, ele consegue ouvir a todos e separar o que é realmente importante para a empresa. Além disso, consegue resolver problemas internos com facilidade, tornando a equipe mais unida e eficaz. 

É necessário desenvolver as habilidades de pessoas capazes de assumirem a liderança na empresa, em vez de manter profissionais que se consideram chefes dos demais. Isso é fundamental para a retenção de talentos: os colaboradores se tornam mais engajados e satisfeitos com a empresa, o que evita o crescente número de turnover atual.

Ele consegue utilizar todo o seu conhecimento para lidar com situações complicadas e possíveis desafios, gerando, assim, melhores resultados para sua carreira e seu negócio.

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia outros artigos

O que achou desse artigo?

Publicidade

REF&H
Enviar