Publicidade

Implementando o método Pilates em resorts de lazer

Colunista: Rodrigo Perfeito

Chegou aquele momento mais esperado do ano: as férias. Você junta seu precioso dinheiro, avisa a família ou amigos e reserva por uma semana aquele resort dos sonhos! Estes locais oferecem piscinas, massagens, gramados para as crianças correrem, fazendas, diversos restaurantes com culinária variada, sala de jogos, muitos locais para tirar fotos, entre outros. Ou seja, possuem uma grande estrutura para cuidar da saúde mental dos seus clientes. Vale ressaltar que a maioria das atrações são estilo “pay to win”, sendo apenas a piscina, alimentação e serviço de quarto inclusos. O restante é pago, para mostrar para nós que dinheiro não é tudo, mas sim, ele interfere nas suas possibilidades de divertimento. Mais um motivo para você empreender.

Assim, se você puder pagar, não faltam opções para sua saúde mental. Mas e para saúde física? Temos muitas opções? Infelizmente, não. E é aí que entra seu olhar de empreendedor para se inserir em locais com brechas de abertura de negócios.

Nestes resorts vão ocorrer aquelas aulinhas “quebra galho” de alongamentos matinais e caminhadas contendo pouquíssimas pessoas. São raros os hospedes que se interessam por estas atividades que não apresentam algo inovador. Quando existe uma academia, o investimento estrutural é pífio comparado com outros setores. Sabe aqueles aparelhos aglomerados que se você colocar cinco placas, o aparelho empena e o cabo estoura? É daí para baixo!

Mas se tem academia, mesmo de baixa qualidade, tem Pilates também! Meus amigos, já visitei diversos resorts pelo Brasil, dos mais luxuosos aos mais simples (antes que achem que sou rico, eu pego as promoções! risos) e em nenhum deles eu vi um estúdio de Pilates!

Devido a essa ausência, vou abordar alguns tópicos que facilitam a abertura de um estúdio em resorts e talvez lhe tragam algumas ideias.

1. Baixo custo de implementação

Com um investimento de R$ 15.000,00 a R$ 20.000,00 é possível comprar os 5 aparelhos clássicos e a maioria dos aparelhos de solo mais utilizados na atualidade. Parece um valor alto, porém, uma pequena academia com bons aparelhos custa no mínimo R$ 150.000,00. Um investimento 10 vezes maior! Isso irá possibilitar que seu projeto seduza com maior facilidade o dono do resort, se for o mesmo que irá arcar com a implementação. Se a inserção do estúdio ficar por sua conta, com o valor de uma pequena academia, você alcançaria 10 resorts diferentes.

2. Necessidade de pequeno espaço físico

Quanto mais espaço, maiores são as possibilidades, mas como já conversamos, os resorts não estão convencidos que o treinamento físico é importante durante a estadia do hóspede. Assim, são implementados em salas minúsculas.
Este fato é triste, mas não atrapalha a inserção do estúdio. Em locais com 35 metros quadrados já é possível montar um ótimo estúdio. Perder-se-ia um pouco do solo, mas a utilização dos aparelhos clássicos seria muito viável.

3. Público específico

Não é segredo para ninguém que o Pilates feito em estúdios é uma modalidade que nem todos conseguem pagar. Uma ótima academia de bairro cobra em torno de R$ 70,00 a mensalidade que possibilita que o aluno vá todos os dias, nos horários que quiser e permanecer pelo tempo que desejar. Um estúdio de bairro cobra uma média de R$ 150,00 a mensalidade por apenas 2 horas semanais divididas em 2 dias. Caso queira participar mais vezes, terá que pagar um valor diferenciado. Em outras palavras, a musculação atinge um público variado, enquanto o Pilates, aquele com poder aquisitivo um pouco maior. O público desses resorts, que não são nada baratos, é o público com um poder aquisitivo diferenciado. Muitas destes praticam Pilates, e não musculação. E que tal a inserção de um estúdio para que este cliente não fique uma semana sem sua atividade preferida?

4. Serviço atrativo para venda de hospedagens

Se os donos dos resorts não enxergam certos detalhes, ajude-os com a apresentação de um projeto de aumento de vendas e lucro. Anunciar no site que o local tem uma academia não ajudará a convencer o cliente de se hospedar no local. As academias já dominam o mercado desde sempre, e não tem nenhuma novidade atrativa nisso.
Já os estúdios de Pilates, além de ter um teor de luxo devido ao seu preço mais alto, servirá como destaque de serviços, uma vez que são raríssimos os espaços que oferecem a atividade, fazendo com que o local se destaque dos demais.

Lance a proposta e desafie a gerência do resort a coletar informações no checkout, perguntando se os hospedes gostariam da ideia de ter tido aulas de Pilates gratuitas no local. Eu tenho certeza de que após um mês de coleta de dados, os responsáveis pelo resort estarão te ligando para que forneça mais informações sobre a implementação do negócio. Nesse momento, já esteja com o projeto montado!

Essa é nossa conversa desta edição. Espero ter aguçado algumas ideias! Bons negócios a todos!

Leia outros artigos

O que achou desse artigo?

Publicidade

REF&H
Enviar