Publicidade

Musculação sim, ginástica não: qual o motivo?

Colunista: Geraldo Filho

Há um ano estamos vivendo esse dilema da pandemia no mundo, números sobem, estabilizam, descem, crescem novamente, zonas vermelhas, amarelas, verdes e outras cores que estão sendo criadas para definir o grau de perigo do vírus na sociedade.

Entretanto, neste período, comprovou-se mais uma vez a eficácia do exercício físico na prevenção também da Covid 19, nesse tempo também se criou uma questão bastante interessante quando foram reabrir as academias: a musculação funciona e a ginástica não!

Confesso que não vejo absolutamente problema algum as salas de coletivas funcionarem, mesmo sabendo que serão mais pessoas no mesmo espaço que a musculação mesmo sendo esse número reduzido. Dessa forma, mostrarei alguns pontos que comprovarão que o funcionamento das salas de ginástica são sim, um ambiente seguro. Vamos lá:

  • Dentro das salas é muito mais fácil distanciar o número de participantes bem como ampliar o quadro de horário para diminuir o fluxo na mesma aula;
  • Os procedimentos de higienização dos equipamentos são muito mais fáceis, pois eles, após o uso, ficam em um lugar separado, além de ter uma quantidade suficiente muitas vezes para atender a uma turma enquanto são higienizados os usados.
  • No caso das aulas sem equipamentos será muito mais fácil a higienização do ambiente, sem contar que os praticantes de ginástica em termos de organização e limpeza são mais conscientes que praticantes de musculação, concordam?

Partindo para o fator motivacional, a sala de ginástica é o coração das academias; já falei em outras oportunidades que pode se obter os mesmos resultados da musculação (NÃO SOU CONTRA MUSCULAÇÃO) de uma forma muito prazerosa, com clima de festa, amizade e alegria! Agora imaginemos um contingente enorme de pessoas presas dentro de casa muitas vezes pela sujeira política que envolve o país, entrando em depressão, stress elevadíssimo, ansiosos, incertas do futuro, e quando têm oportunidade de voltar “à vida”, são impedidas de praticar exatamente a atividade que elas tanto amam.

Por isso, ratifico: não tem sentido a reabertura das academias sem as aulas coletivas, elas são seguras do ponto de vista das normas de higienização, do distanciamento, do uso de máscara, além de que os professores estarão o tempo inteiro supervisionando os aspectos de segurança do ambiente. Agora, cabe a nós, profissionais do segmento, lutar por isso, pois em alguns lugares já estamos experimentando um novo lockdown!

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Leia outros artigos

O que achou desse artigo?

Publicidade

REF&H
Enviar